Como fazer uma alimentação forçada em cobras

O criador de cobras tem que saber que, caso o animal queira ou não, ele precisa ser alimentado. Ele pode estar sofrendo com anorexia, um sintoma comum de mudança de habitat. Alguns animais de cativeiro simplesmente não se dão muito bem com a mudança de ambiente e se recusam a comer. O que fazer? Forçar a alimentação. Se a comida está em bom estado e o réptil precisa comer, você pode forçar isso. Mas faça com a devida segurança e apenas em animais não peçonhentos. De outra forma, é arriscado.

Como fazer uma alimentação forçada em cobras

Uma das vantagens de alimentar cobras de cativeiro sem comer é que elas estão fracas. Dificilmente elas vão atacar seu dono porque estão sem forças. Cobras com fome também costumam ficar mais sonolentas e mais lentas, movimentando-se pouco. Se seu animal não muda de posição há um tempo, não mostra sinais de alto defesa quando você tenta tocar nele e a comida continua no viveiro, vai precisar forçar a alimentação assim que possível.

Alimentação forçada de cobras de pequeno porte

Separe a comida em pedaços bem pequenos, uma pinça de sobrancelha e um palito de dente.

O passo a passo é bem simples. Pegue a cobra por sua cabeça, segurança as presas com bastante força para não errar. Você deve forçar com o dedo indicador e o dedão a abertura da mandíbula da cobra, por isso só funciona com animais de pequeno porte. Force sua abertura com o dedo e, enfiando o dedo de outra mão entre as presas, abra um pouco mais. Tem que ser uma cobra de pequeno porte para fazer isso. 

Com a mandíbula da cobra bem aberta, coloque um pedaço do alimento e com a pinça e force sua entrada na garganta com o palito de dente. A cobra será forçada a engolir o alimento. Dê um tempo para que ela force a entrada e faça novamente, com quatro ou cinco pedaços. Com uma cobra desnutrida, faça isso uma vez ao dia.