As 10 maiores cobras do mundo

Cobras por si só são estranhas, e se são de grande porte, assustam ainda mais, não? Uma cobra gigante preenche o imaginário assustador de muita gente, basta lembrar da Anaconda, a cobra mais famosa do cinema. Anacondas daquele porte não são reais, mesmo a cobra existindo, mas há cobras no mundo tão gigantes que fariam seus nervos saltarem de tanto arrepio se você não é um amante da beleza deste animai. Conheça algumas a seguir.

1 – Cobra Píton Real

Apesar da maior parte das cobras da espécime píton não ser tão grande, a Píton-real, cujo nome científico é a Python reticulatus, pode chegar a 10 metros, sendo seu tamanho médio na fase adulta de 8 metros, o que não muda muito, não é mesmo pessoal? O seu ambiente comum é o Sudeste Asiático. O irônico é uma cobra tão grande não ser venenosa, por isso a morte de sua presa é dada por sufocamento.

as maiores cobras do mundo piton real

2 – Cobra Sucuri

Você sabia que na lista das maiores cobras do mundo temos uma brasileira? A nossa querida Sucuri que chega a 9 metros de comprimento na parte adulta, encontrada facilmente na região Norte do país.

cobra sucuri

 

3 – Cobra Píton-ametista

Seu nome científico é Morelia amethistina e é uma piton não venenosa. Mas ao cruzar com ela ninguém fica tão tranquilo, mas não se preocupe: os seus 8,5 m de comprimento podem ser vistos em regiões remotas da Austrália. Totalmente adaptada a seu clima, não é encontrada em outras partes do mundo a não ser para fins de estudo e zoológicos. Mata suas presas também por sufocamento e ironicamente costuma se esconder de uma presa até ter certeza que vai ganhar a briga. Sua pele verde é única entre as cobras.

cobra píton ametista

4 – Cobra King Snake

Seu nome científico é a Ophiophagus hannah, e no Brasil é conhecida como Cobra Rei. Não é encontrada em outro continente se não na África e não é das maiores do reino animal, chegando a apenas 5,8 m na fase adulta. Mas sua beleza chega a ser assustadora e está na lista das cobras mais venenosas do mundo.

maiores cobras do muno Cobra King Snake

5 – Cobra piton diamante

Além de medir 6 metros de comprimento na idade adulta, outros atrativos chamam a atenção na cobra píton diamante. Um deles é sua pele negra, por isso já esteve na lista das cobras em extinção por muito tempo e ser uma das mais traficadas. É uma cobra tipicamente australiana, podendo ser encontrada na Austrália e Indonésia. Nunca foi achada em continente norte americano por vias naturais.

cobra piton diamante

6 – Cobra piton indiana

Tem outros nomes: cobra piton albina, cobra piton amarela. Encontrada especialmente na Índia, pode chegar a 6 metros em sua fase adulta e é uma das mais criadas em casa entre os indianos.

c

7 – Píton-Reticulada

Dentre as cobras píton está na lista das maiores, chegando na fase adulta a 9,5 m de comprimento. Contudo, não todas. Muitos machos e fêmeas da mesma espécime chegam a no máximo 6 m, apenas os casos raros chegam aos números mais altos. Nada muito bem e é uma cobra asiática como habitat natural.

cobra piton reticulada

8 – Cobra de Índigo

Conhecida como cobra negra, chega a 5 metros em média, mas o mais comum ser encontrada na fase adulta machos com 4 metros. É uma espécime não venenosa e encontrada na região oriental nos Estados Unidos.

Cobra de indigo

9 – Pseudonaja Textilis

Seu nome comum muita gente conhece: cobra Naja. Seu habitat natural são as regiões da Austrália, na área de Nova Guiné, e pode chegar a 2,5 metros, não sendo das maiores, mas bem mais relevantes. Não é encontrada no Brasil a menos que seja para fins de pesquisa e zoológico.

cobra naja

10 – Surucucu

Seu outro nome popular é Pico de Jaca. Seu habitat natural é a América do Sul, podendo ser encontrada no Brasil e chega ao máximo de  3,65 m. É uma cobra do tipo venenosa e na lista das mais letais do Brasil.

cobra Surucucu

 

 

 

Um comentário

  1. Sofia La Rocca says:

    Olá. Creio que algumas informações estejam precipitadas, pois a Cobra Piton é uma espécime grande, e a píton real é a menor de todas as pítons.

Deixe um comentário