» » Como evitar uma picada de cobra

Como evitar uma picada de cobra

Uma das preocupações comuns entre turistas que resolvem partir para programas mais ecológicos é é o risco de uma picada de cobra. Na realidade, esse risco é extremamente pequeno. A maioria das pessoas que foi mordida por uma cobra quebrou algumas regras simples para evitar a picada. Você não vai fazer isso, pois está aprendendo agora a forma correta de agir perto de uma serpente se houver um risco de picada.

cobras


Cobras são surdas. Então, se for confrontado por uma, você pode alertar outras pessoas através da voz mesmo sem a preocupação de que vai aumentar a agressão da cobra. No entanto, não faça movimentos bruscos que a cobra poderia interpretar sua presença como sendo hostil.

Uma pesquisa indica que 90% dos acidentes ofídicos são na área de tornozelo, que é uma boa razão para usar botas ou meias de cano longo. Algumas picadas ocorrem também na mão, por isso as proteger com luvas de borracha seria interessante.

Se você está muito perto de uma cobra e não há um caminho de fuga, recue muito lentamente. Ela pode sentir que você é apenas uma passante e te deixar ir embora sem qualquer mordida. 


Cobras não armam ciladas para as pessoas, mas sim tentam escapar do contato. Logo, ela vai agir de forma impulsiva. Se você for mais esperto, como pular com seu bote ou correr rápido, poderá escapar. Não se preocupe que não há uma cobra observando você em uma caverna, como os filmes te instigam a acreditar.

Uma cobra pode atacar em qualquer posição e pode levantar rapidamente em preparação para atacar a ganhar distância extra. Se a cabeça da cobra esta levantada isso pode indicar que ela se sente ameaçada. Logo, não se mexa e permaneça na posição até que ela vá embora. Se não há ameaça, sem sons e sem movimentos, ela deve recuar em alguns segundos. Cobras não são tão lerdas como parecem. 


Cobras são difíceis de identificar, então não tente pegar a cobra para verificar se ela apresentam um risco ou não. Não eé fácil de saber se ela é venenosa ou não, por isso o melhor é manter distância. 

Atualizado em: 28/06/2013 na categoria: Diversos