Mulher resgata e salva cobra de pauladas de moradores

Dona Maria, de 58 anos, teve a coragem que não apenas muitos paulistas não tiveram, mas diversas pessoas em todo o mundo: resgatar e salvas cobras. Enquanto a maior parte das pessoas iria correr para o sentido contrário ao avistar o animal, Maria dos Prazeres dos Santos resolveu que os animais precisavam de uma segunda chance e foi de pronto ajudar.

Uma jiboia surgiu na rua do Parque Floresta e os moradores locais, assustados, resolveram atacar a cobra com pauladas. Eis que a corajosa dona Dona Maria pegou a cobra com as mãos e a salvou de ser morta. O animal não chegou a atacar nenhum morador, foi apenas o medo das pessoas de um réptil conhecido por ser agressivo e matar, em especial crianças. 

Mulher resgata e salva cobra de pauladas de moradores

Dona Maria é famosa no bairro. Quando avista uma cobra sendo maltrata, sai de sua casa de pronto e liga para o Corpo de Bombeiros. Ela é defensora convicta dos animais e sempre que avista uma cobra, ao invés de tentar matar, realoca o animal para a beira do rio, em uma zona verde próximo a sua casa, onde o animal pode encontrar um outro local para viver em um habitat natural.

Como ela consegue capturar o animal? Com as mãos, sem qualquer acessório. Ela é conhecida como domadora de cobras e aprendeu a técnica com seu pai, que também tinha o bom costume de salvar os animais. As dicas da paulista é chegar com calma sem assustar, mas sem temer o animal. É preciso ser firme no olhar e nos movimentos e a cobra também terá medo do humano e vai se deixar ser pega.

O surgimento de tantas cobras nesta região de Campinas é explicado pelos biólogos com a presença constante de roedores como gambás e ratos, alimento perfeito para as cobras das mais diversas espécimes. 

2 Comentários

  1. Gabriel says:

    meu Deus.. Que coisa..

  2. Eduardo says:

    PARABÉNS !!!

Deixe um comentário